Escolha a melhor empresa

Jovem deve focar no modelo que imagina lá na frente. Grande empresa nem sempre é a melhor opção

Na hora de ingressar no mercado de trabalho, uma dúvida costuma atormentar muitos jovens: é melhor iniciar a carreira numa grande ou numa pequena empresa? Para responder essa pergunta, o jovem deve se focar no que almeja para seu futuro, ou seja, no modelo de carreira que almeja lá na frente e até nos sacrifícios que está disposto a fazer. Ao contrário do que muita gente pensa, nem sempre a grande empresa é a melhor opção.

Uma pesquisa feita pela Nube Estagiários e Aprendizes, com 17.819 jovens entre 15 e 26 anos, revelou que mais de 59% preferem colocação em renomadas e gigantes organizações. "Muitos estudantes sonham com altos cargos e salários, por isso almejam atuar em famosas organizações", explica Rafaela Gonçalves, analista de treinamento da Nube.

Mas, muitas vezes, a oportunidade pode estar numa pequena empresa, onde a pessoa tem mais liberdade para criar e inovar, alerta a presidente do Grupo Empreza, empresa de RH e Terceirização de Serviços, Helena Machado Ribeiro.

Ela lembra que as grandes empresas contam com os programas de trainee, que contam com uma boa estrutura para unir conceito técnico e aprendizagem conceitual.

Dentro do programa de trainee, o jovem tem acesso ao conhecimento teórico da carreira, do negócio e o skill, que é o treinamento da profissão para reunir conhecimento, habilidade e atitude necessários para obter a competência. "Os programas trainee estágio proporcionam uma formação muito boa", destaca Helena.

FLEXIBILIDADE

Porém, ela adverte que, muitas vezes, a pequena empresa tem mais flexibilidade e liberdade para que o jovem possa adquirir um volume maior de conhecimento sobre sua área de atuação e a empresa em menos tempo. Segundo Helena, nas grandes empresas tudo é mais segmentado, enquanto na pequena é possível ver o todo do negócio, ter uma visão mais sistêmica.

Além disso, ela lembra que muitas pequenas empresas são inovadoras e já têm conhecimento de ponta para transmitir aos funcionários. Por isso, a melhor escolha vai depender mesmo dos objetivos de cada um.

"Quem almeja uma carreira internacional, e não se importa de mudar, deve buscar uma empresa de grande porte", alerta. Já quem visa um crescimento mais rápido, pode ter mais oportunidade na pequena empresa, onde a concorrência é menor.

Quem sonha em ingressar numa grande empresa, deve olhar nacionalmente quando busca uma vaga, pois pode encontrar boas oportunidades em outros Estados. É preciso estar disposto a se mudar de um lugar para outro se a empresa quiser.

Especialistas em recursos humanos alertam que, independente de a empresa ser pequena ou grande, o mais importante para os novos profissionais é ter desejo de crescer, se desenvolver e tornar-se um líder. Quem está no início de carreira não deve desperdiçar oportunidades.

 

Fonte: O Popular