Tome cuidado ao buscar nova oportunidade

Em cenário de crescimento do desemprego, surgimento de novas vagas de trabalho fica comprometido

Em um cenário onde o crescimento do desemprego é constante, a insatisfação dos profissionais, por vários motivos, tem criado uma crescente busca por um reposicionamento no mercado de trabalho. Porém, especialistas alertam que antes de qualquer mudança de emprego o profissional precisa tomar muito cuidado.

Em momentos de incertezas na economia e nos resultados das empresas, o surgimento de novas oportunidades fica comprometido. Com isso, buscar uma recolocação no mercado de trabalho tende a ser mais dificultoso.

Porém, o consultor em recursos humanos e diretor executivo da BAZZEstratégia e Operação de RH, Celso Bazzola, explica que mesmo diante desse cenário não é impossível uma boa recolocação tanto para quem está desempregado quanto para quem está com trabalho. Ele afirma que o reposicionamento é importante porque o profissional começa a oferecer diferenciais para a empresa e apresentar mais resultados. O que torna menor as chances de perder o emprego.

"Quando se fala em reposicionamento a gente fala de reposicionamento de cargos ou conhecimentos. Tem de ser adequado para evitar que os profissionais façam uma mudança brusca de carreira. Ele tem de ser adequado dentro da linha de conhecimento e necessidade da empresa. Tem de ser com coerência dentro da linha de conhecimento e coerência do profissional", afirma o consultor.

Caminhos

No caso de quem está desempregado, Celso diz que este não é o momento para entrar em desespero. "Pode parecer difícil, mas nesse momento manter a tranquilidade e equilíbrio torna-se um fator essencial para seu reposicionamento. A ansiedade e o desespero tende a dificultar ainda mais o raciocínio e apresentação de suas habilidades técnicas e comportamentais, além de induzi-lo a decidir por uma oportunidade qualquer", frisa.

Para quem está empregado, ele alerta que o fato de passarmos por uma crise não significa que os profissionais que estejam desmotivados devam ficar estagnados, sem analisar novas possibilidades. Porém, primeiramente é preciso avaliar quais os motivos que estão levando à condição de desmotivação, criando oportunidades de mudança do ambiente e tornando-o mais atraente.

"Após essas ações e análises, concluindo-se que realmente é o momento, recomendo que busque novas oportunidades. Contudo, antes de deixar a colocação atual aguarde o melhor momento e uma boa proposta para tomar a decisão em definitivo. Enquanto isso não ocorrer, busque motivação para contribuir com a empresa", pondera o consultor.

A busca por reposicionamento não é tão simples, por isso é necessário planejamento e preparo em suas ações e construções de novas oportunidades. Celso Bazzola destaca passos importantes para o profissional trilhar um caminho de sucesso.

 

Fonte: O Popular