"Precisamos nos articular politicamente sim, porque a entrega da prestação jurisdicional não pode ficar prejudicada"

Justiça do Trabalho recebe apoio de parlamentares contra o corte do orçamento

O presidente do TRT de Goiás, desembargador Aldon Taglialegna, recebeu na tarde desta segunda-feira, 15/8, a visita do deputado estadual José Vitti, que é líder da bancada do governo na Assembleia Legislativa de Goiás. Acompanhado do presidente da Associação dos Magistrados do Trabalho da 18ª Região (Amatra 18), juiz Luciano Crispim, e de representantes da Associação Goiana dos Advogados Trabalhistas (Agatra), o parlamentar disse que quer colaborar com a causa da Justiça do Trabalho, que sofre com o corte de 29% nas verbas de custeio em 2016 e luta pela recomposição do orçamento para não fechar as portas.

O desembargador Aldon Taglialegna afirmou ser muito bem-vinda a colaboração do parlamentar. "Precisamos nos articular politicamente sim, porque a entrega da prestação jurisdicional não pode ficar prejudicada", ressaltou o presidente do TRT ao explicar ao deputado a situação atual do Tribunal goiano, que teve de dispensar trabalhadores terceirizados da segurança, estagiários e menores aprendizes, reduzir o horário de atendimento, entre outras medidas, para cortar gastos e conseguir manter as portas abertas até o fim do ano.

Aldon Taglialegna ainda ressaltou que a manutenção do mesmo corte no orçamento em 2017 inviabilizará os serviços de segurança e limpeza no TRT. Nesse sentido, pediu o apoio do deputado junto aos demais parlamentares das bancadas estadual e federal para que todos se unam para manter o pleno funcionamento da Justiça do Trabalho em Goiás.

Fonte: DCSC